LudoBardo Awards – Parte 2: As Melhores Narrativas Emergentes e Episódios de 2011

14 02 2012

Em seu décimo quinto episódio, o LudoBardo apresenta – juntamente com o Ilapso (do Baixo Frente Soco) – a segunda parte do LudoBardo Awards! Uma cerimônia de premiação para as melhores narrativas – embutidas e emergentes – de 2011, tanto com base na nossa opinião, como na votação dos espectadores.

Confira os gráficos das votações para as categorias de narrativas emergentes e melhor episódio do LudoBardo de 2011.

Confira o artigo referenciado (sobre a “flauta do diabo”) em http://ur1.ca/85wue.

Se gostou, não deixe de divulgar e participar via facebook, twitter ou youtube.

E os felizardos que ganharam prêmios foram @luizgpa (Indie Royale Bundle), @gabr_gamer (69% de desconto na Nuuvem) e @heyheylu (prêmio surpresa).

Advertisements




LudoBardo na Campus Party!

7 02 2012

Na sexta-feira, 10/02, Arthur Protasio – vulgo, LudoBardo – participará da Campus Party com a palestra “IGDA Rio: Associação Internacional de Desenvolvedores de Jogos no Cenário Brasileiro” às 17:30h. O evento é um dos maiores do mundo em tecnologia e Internet e está em sua quinta edição brasileira, no Anhembi Parque, em São Paulo com um número recorde de 7 mil participantes.

A palestra apresentará as atividades da IGDA Rio, bem como o Relatório de Investigação Preliminar: O Mercado Brasileiro de Jogos Eletrônicos, do CTS Game Studies.

Mas não é só isso, o LudoBardo quer gravar um episódio especial com participantes voluntários e por isso está convocando todos que se interessarem! Confira!

Se gostar, não deixe de divulgar e participar via facebook, twitter ou youtube. Se não gostou, critique!





LudoBardo: Entrevista TechTudo com Left 4 Dead 2

30 01 2012

Uooooou! No seu décimo quarto episódio, o LudoBardo inaugura o quadro Narrativa Emergente – em que o LudoBardo joga um determinado jogo e destaca a importância da experiência criada pelo jogador. Dessa vez, o convidado é o redator Alexandre Silva, do portal TechTudo, que irá entrevistar o LudoBardo enquanto o apresentador e anfitrião responde às perguntas e ilustra os conceitos apresentados em tempo real.

Mas a experiência não termina por ai, não deixe de conferir a outra parte dessa entrevista transmídia em texto no TechTudo onde outros assuntos como o Global Game Jam e o Joga Brasil são abordados.

Se gostou, não deixe de divulgar e participar via facebook, twitter ou youtube. Se não gostou, critique!





LudoBardo Awards: Os Melhores Jogos e Narrativas Embutidas de 2011

17 01 2012

Uooooou! Ano novo, temporada nova! No décimo terceiro episódio do LudoBardo e primeiro da segunda temporada, eu apresento juntamente com o Carlos Pivotto – do Baixo Frente Soco – o LudoBardo Awards! Uma cerimônia de premiação para as melhores narrativas – embutidas e emergentes – de 2011, tanto com base na nossa opinião, como na votação dos espectadores.

Então corra, pegue a pipoca e sente para assistir a primeira parte da premiação, dedicada aos melhores roteiros, às melhores narrativas embutidas de 2011. Críticas são tecidas, jogos são selecionados e o público é premiado!

Senta que lá vem história… ahn ahn… história, narrativa. E se você quiser acompanhar mais quais jogos receberam votos do público, confira nosso gráfico.

Se gostou, não deixe de divulgar e participar via facebook, twitter ou youtube.

E… Ah, @Adnevitoria! Você foi sorteada e é a mais nova dona de um Humble Indie Bundle! Parabéns!





The Battle For Brazil’s Game Future – Feature Article by Arthur Protasio at Gamasutra

18 10 2011

On the 13th of october, the well-know and respected website, Gamasutra, published an article I wrote about the Brazilian games industry. As coordinator of the R&D project, CTS Game Studies, and IGDA Rio de Janeiro chapter leader, I put together a piece that analyses the connection between games, the market, and freedom of speech in Brazil.

Although progress is evident that games are growing as a medium, the article goes into detail regarding the impact of judicial decisions, anti-game legislative bills, and the government-run age rating system. Aspects debated include the current perception of games in the country and specific cultural and economic challenges that keep games from being recognized as a vital medium in the developing economy.

The discussion is intrinsically related to the importance of  games legally classifying as art, as well as the influence of narrative, and how all of this affects sales and the development of the the Brazilian games market.

The publishing of this article is very important due to the international exposure of the Brazilian scenario and future developments can only arise through the dissemination of information.

You can read my article here: The Battle For Brazil’s Game Future or download the pdf file.





Estética dos games, narrativa, inovação e arte: Hermano Vianna fala sobre o LudoBardo no Globo

14 10 2011

A excelente coluna de Hermano Vianna (toda sexta-feira no jornal O Globo) é conhecida por sua abordagem versátil e informativa em relação a tudo que tem a ver com cultura e inovação.

Diante disso, falar que fiquei lisonjeado é quase um eufemismo, quando, hoje, me deparei com o texto do antropólogo que não só citou meu trabalho com o videolog LudoBardo, mas também revelou ser um espectador. É gratificante saber que os episódios estão sendo reconhecidos pelo seu compromisso com uma reflexão crítica em relação aos jogos e suas narrativas. Afinal, o objetivo é estimular o pensamento crítico em relação a uma mídia que muita gente consome, mas ainda não reconhece como cultura e arte: o jogo.

Aliás, sobre esse assunto, o próprio Hermano já escreveu: “Game é Cultura“.

Abaixo segue um trecho que transcrevi da coluna publicada no Segundo Caderno do jornal O Globo:

Falando em clipes: todo mundo sabe que sua linguagem (clipada?) também foi sampleada em muitos outros territórios audiovisuais. O uso que considero mais promissor foi aquele apelidado de “nub” por Charlie Tims, pesquisador de novas tendências da comunicação. Nub é o videoclipe que divulga não uma música, mas uma ideia: pode ser explicação filosófica, aula de física, manifesto político. A internet está cheia de experiências nesse sentido. Descobri recentemente e atrasado o blog LudoBardo (www.vagrantbard.com), do Arthur Protasio, dedicado a “narrativa, games e arte”, onde há excelentes exemplos de como pequenos vídeos podem condensar uma quantidade enorme de ideias de forma divertida.

Já conhecia o trabalho do Arthur no Centro de Tecnologia e Sociedade da Escola de Direito da FGV carioca, onde coordena o grupo de estudos sobre games. Mas nem imaginava que ele possuía também um avatar de apresentador de TV nerd, especializado em desbravar a área pouco explorada da análise de jogos eletrônicos a partir de seus elementos propriamente narrativos. No LudoBardo, desde o início de 2011, Arthur já publicou oito vídeos, cada um com cerca de dez minutos de duração. Parece pouco, mas quando prestamos atenção na quantidade de imagens editadas (muitas vezes uma para cada palavra chave) podemos ter noção do número de horas necessárias para sua edição, sem falar em pesquisa e roteiro. O resultado já é uma das mais sérias (sem perder a diversão jamais) reflexões sobre a estética dos games, que pode ser útil para jogadores ou para quem quer investigar os caminhos mais populares da arte contemporânea.

(Fonte: O Globo – Página 2 do Segundo Caderno. 14 de outubro de 2011)





Narrative Reincarnation at Well Played 3.0: Video Games, Value and Meaning

17 08 2011

The Well Played publication (from ETC-Press at the Carnegie Mellon University) has always been a source of inspiration and admiration to me. In fact, I used it as reference for my law school final essay on Games and Free Speech.

The idea of uniting a diverse range of authors – all the way from developers to journalists and researchers – to promote in-depth readings of games is simply ingenious. It is what effectively illustrates that games are a medium of expression, after all each and everyone of the articles reveal different views about numerous aspects that games touch upon.

In its 3.0 volume, Well Played included my article “Narrative Reincarnation in the Way of the Samurai 3”, which discusses the important role that narrative plays in the game by allowing the player to tread through many different short story paths. It is an honor to be featured, along with other authors, in this publication.

You can read my article here: Narrative Reincarnation in The Way of the Samurai 3

Or check out (and buy) any of the Well Played books here: Well Played 1.0 Well Played 2.0Well Played 3.0








%d bloggers like this: